"Procuro-te", de Lesley Pearse

"Sacrificaria o amor da sua vida em nome do passado?"
Daisy tem apenas vinte e cinco anos quando a mãe morre nos seus braços. Embora saiba há muito que foi adoptada, sempre se sentiu amada pelos pais e pelos irmãos. Para Daisy, aquela é a sua família. Todavia, o luto vai abalar o equilíbrio doméstico e revelar rivalidades encobertas. A serenidade dá lugar à devastação, e a jovem sente que é a altura certa para partir em busca das suas raízes e confrontar-se com o passado.
Na ânsia por saber mais sobre Ellen, a sua mãe biológica, e à medida que vai desvendando a história da família, Daisy descobre as duras verdades por detrás do seu nascimento. Dotada de uma inabalável determinação, Ellen sobrevivera a uma infância traumática: a morte da sua própria mãe estava envolta numa aura de mistério e os maus-tratos de que fora vítima às mãos da madrasta haviam-na marcado irremediavelmente. O destino quis que a sua coragem fosse constantemente posta à prova. O tempo encarregou-se de apagar o rumo dos seus passos.
Mas Daisy não desistirá de a encontrar, nem que para tal tenha de renunciar ao amor da sua vida.

A Minha Opinião:
Estava realmente desejosa de ler este novo livros de Lesley Pearse.
Depois de ter adorado o "Nunca me Esquecas" confesso que coloquei as expectativas lá bem no alto em relação a este.
Não é que me tenha desiludido, mas não me encheu relamente as medidas :)
A história é "engraçada" envolve-nos logo nas primeiras páginas mas a verdade é que estava à espera de algo diferente. Quanto à pergunta que acaba por despertar a nossa atenção na Sinopse: "Sacrificaria o amor da sua vida em nome do passado?" não tem qualquer sentido decorrer de toda a história, procurei e procurei... mas não encontrei :P
Vale a pena ler pois quando já não se está à espera de qualquer melhoria há a grande reviravolta final.

3 comentários:

Ana C. Nunes disse...

Por estas razões é que tento não ter muitas expectativas quando vou ler um livro. No fim acaba sempre por ser menos do que desejávamos, o que é uma pena.
Ainda não li nada da autora, mas tenho curiosidade.

Ana disse...

Olá!

Tenho o 1º livro dela em cima da mesa de cabeceira em lista de espera, mas com a tua opinião é já o próximo!

Beijocas para ti e para a tua filhota!

Paula disse...

Tenho este livrinho por ler, assim como o primeiro :(
Haja tempo...
Beijinhos