"O Amor em Anos nos Chumbo" de E. S. Tagino

"Estamos nos finais de 1837, em plena Guerra Civil entre liberais e miguelistas. O brigadeiro José Joaquim de Sousa Reis, mais conhecido por Remexido, Comandante do Exército do Sul por nomeação do proscrito D. Miguel, atravessou todo o Alentejo e veio atacar Grândola. Este ataque é o ponto de partida de O Amor nos Anos de Chumbo. Através de uma tórrida e triangular história de paixões, E. S. Tagino transporta-nos a um tempo em que, sobre as cinzas do antigo regime e enquanto o romantismo florescia no coração dos poetas, os frades egressos, com a extinção das ordens religiosas e a confiscação dos conventos, vagueavam pelos campos; os barões, disfarçados de liberais, abocanhavam o cadáver do país, e o vírus do caciquismo se instalava no corpo apodrecido da Nação. Com o Estado na bancarrota, sob a pressão inglesa que ameaçava tomar-nos a Índia, com as diversas facções do Setembrismo a digla-diarem-se publicamente e uma revolta camponesa generalizada, O Amor nos Anos de Chumbo retrata uma realidade decadente onde, apesar de tudo, o amor sem barreiras, alguma consciência social e o lento despertar do Povo são os sinais, ténues mas esperançosos, de uma possível regeneração."

A Minha Opinião:
Mais um autor que não conhecia ;)
Uma história com muitos militares, numa época em que Portugal atravessava sérios problemas.
Adorei as descrições pitorescas dos maravilhosos Alentejanos e das suas tradições como a do matar do porco que ainda hoje se leva muito à letra!A história de amor que à primeira vista nos parece impossivel, acaba por acontecer contra todas a expectativas do leitor.
A linguagem é bastante acessível o que faz com que a leitura seja feita de forma bastante rápida... pelo menos para mim ;) Adorei também a capa, que nos leva às grandes e belas planicies do nosso Alentejo.
Vou com toda a certeza querer ler mais livros do autor!

(Bem haja Fbeatriz e ao Site Segredo dos Livros)

1 comentário:

Anónimo disse...

Do mesmo autor deve sair agora em Outubro outro livro, intitulado MEA CULPA. Vai estando atenta :)
De qualquer modo, se gostas do Alentejo, aconselho-te a leres O PEQUENO INCENDIÁRIO.
Sofia