"Fogo Negro", de C.J. Sansom

"Estamos em 1540, no Verão mais quente do século XVI.
O corcunda mais perspicaz dos tribunais de Inglaterra, Matthew Shardlake, acreditando ter caído em desgraça junto de Thomas Cromwell, tenta passar despercebido, continuando a sua prática de advocacia. Mas o seu envolvimento num caso de homicídio, leva-o de novo à presença do vigário-geral e a uma nova missão.
Perdida durante séculos, a fórmula do Fogo Negro, a lendária substância com que os Bizantinos destruíam os navios árabes, foi encontrada na biblioteca de um mosteiro londrino. Shardlake é enviado para a recuperar mas vai antes deparar com dois corpos brutalmente assassinados e com o desaparecimento da preciosa fórmula!Agora Shardlake tem de seguir o rasto desse Fogo através da Londres dos Tudor e, simultaneamente, de provar a inocência de uma jovem cliente, acusada de assassinato, e ainda de lutar contra as forças malignas que tentam, com uma brutal tenacidade, impedi-lo de chegar a bom porto. Mas, claro está, nada é o que parece e Shardlake terá de descobrir isso a tempo de salvar a sua vida e a dos que lhe são mais próximos.Tensão religiosa, turbulência política e convulsão social - três elementos que se unem numa atmosfera de cortar à faca, que serve de cenário a esta segunda história de Shardlake. E, mais uma vez, C. J. Sansom combina magistralmente ficção histórica e mistério, construindo um extraordinário tour de force de intriga e suspense."

A Minha Opinião:
Mais uma vez fiquei deliciada a acompanhar as aventuras deste advogado corcuda da altura das grandes mudanças religiosas em Inglaterra e da troca de Rainha constante ;)
A sua forma de solucionar os seus casos é brilhante, mas mais importante é a forma como trata todos por igual, sem olhar a classes sociais, isto no meio de uma sociedade bastante problemática, com todos as controvérsias que vieram da dissolução dos mosteiros "papistas" e da morte na forca da Rainha Ana Bolena... mas lá estou eu a fugir do assunto!!!!!!
Para quem acha que não gosta de romances históricos, aconselho a pegar nestas aventuras de Matthew Shardlake!
É maravilhosa a forma como nasce uma verdadeira amizade entre o Mestre Shardlake e Barak, fico desejosa de ver os desenvolvimentos no próximo livro!

(Bem Haja Wiccaa!)

Sem comentários: