Resultado do Passatempo "O Ano do Nevoeiro"

Mais um passatempo chega ao fim :)
Vamos lá então às resposta às questões colocadas:

1 - A 20 Julho 2010 pela Editorial P.resença
2 - Emma e Abby (Jack)
3 - A Abby é a (futura) madrasta de Emma.
4 - Três: The Girl in the Fall-Away Dress, No one you know e Dream of the Blue Room.
5 - The Girl in the Fall-Away Dress, ganhou o Associated Writing Programs Award, University of Massachusetts Press, 2001.
 
Bem haja a todos os que participaram Parabéns à Vencedora ;)
 
Carla Cruz, de Linda à Velha
 
Receberá em breve um exemplar do livro "O Ano do Nevoeiro", de Michelle Richmond.

Última chamada para o passatempo ;)


Termina hoje o Passatempo, por isso se ainda não participaram não exitem em fazê-lo pois o Ano do Nevoeiro é um Romance belissimo!!!
Podem ver a ficha completa do livro Aqui

"O Ano do Nevoeiro" de Michelle Richmond

A Minha Opinião:
Sabem quando um livro vos desperta todos os sentimentos?!?!?
Este é um destes casos... primeiro pelo tema e depois pela forma sublime como está escrito.
Abby perde a sua menina no meio do nevoeiro, desse dia apenas recorda que desviou o olhar uns segundos e ela tinha desaparecido, mas será que as recordações são correctas? Será que a memória é assim tão certa como parece?
Abby é fotografa profissional, trata as imagens como ninguém e desse dia também tem imagens mas mesmo assim não consegue conciliar as suas memórias com as poucas imagens que tem...
Abby dedica todos os seus segundos a procurar a sua menina, a filha de Jack o homem que ela ama e com quem vai casar em breve... será assim?

"Amar um homem é uma coisa, mas amar uma criança é algo completamente diferente, consome toda a energia disponivel. (...) Talvez o Amor seja uma vara de vedor que, em vez de água, procura as pessoas que mais precisam de nós."

Durante a sua busca incessante Abby faz uma pequena retrospectiva da sua vida, numa tentativa de testar a sua memória, pois os pormenores que se perdem por mais insignificantes que sejam por vezes são de uma importância crucial na vida e Abby tem quase a certeza que há um pequeno detalhe que a sua memória lhe esconde, daquele dia na praia, em que ela perdeu a sua menina...
Abby não desiste, mesmo quando todos já desistiram ela persiste na sua busca, de encontrar a sua menina e construir a sua familia com Jack e a pequena Emma... será que consegue?!?!?!
A musica que a persegue durante todas as sua deligências já lhe dizia "Cada canção é um regresso, cada momento é um pouco mais tarde." e ao aproximarmo-nos do final percebemos que Abby sabia perfeitamente o significado deste pequeno refrão.
Este é um livro excelente para ler,  reler e disfrutar com todos os detalhes que a autora nos dá sobre fotografia, memórias e verdadeiros sentimentos.

"Uma vida sem memória é uma vida sem sentido."

Mais uma Autora a que devemos guardar na memória ;)
Não percam a oportunidade de o ler mais este excelente Romance com que nos brinda a Editorial Presença!

Passatempo: "O Ano do Nevoeiro"

Data de Publicação: 20 Julho 2010
Cá estou eu de novo, em parceria com a Editorial Presença com mais um passatempo. Desta vez temos para oferecer um exemplar de "O Ano do Nevoeiro", de Michelle Richmond, que pela sinopse promete proporcionar a todos uma excelente leitura.
Como já é habitual colocarei algumas perguntas às quais deverão responder para AQUI juntamente com os vossos dados pessoais (Nome, Morada, Email e Idade).

O passatempo decorre de 15 a 21 de Julho

Então cá vão as perguntinhas ;)
1 - Em que dia será publicado entre nós "O Ano do Nevoeiro" e qual é a sua Editora :) ?

2 - Quais os nomes das principais personagens deste romance?

3 - Qual a relação que entre Abby a Emma?

4 - "O Ano do Nevoeiro" é o segundo romance desta autora, mas o primeiro publicado entre nós. Quantas mais publicações tem a autora e quais os seus nomes?

5 - Uma das suas publicações foi ganhadora de um prémio. Qual foi a publicação e qual o prémio?

As questões são simples, basta pesquisarem um pouquinho ;)

Podem começar a participar!!!
Boas sorte :P

Regras
- Só serão validadas as participações com todas as respostas correctas e com os dados pessoais solicitados.
- Só é válida uma participação por pessoa.
- Todos os participantes receberão um e-mail de confirmação da recepção das respostas.
- O vencedor será sorteado aleatoriamente pela administração do blogue.
- O vencedor será indicado no blogue e contactados por e-mail nos dias seguintes ao fim do sorteio.
- O envio dos prémios será realizado pela Editorial Presença, via CTT.

"O Jogo da Verdade" de Sveva Casati Modignani

Sinopse: "Roberta é uma jovem livreira em plena crise existencial e conjugal - Oscar, o marido, com quem casou contra a opinião de toda a gente, revela-se incapaz de responder às suas necessidades e de assumir as responsabilidades de uma família.
Uma dolorosa reflexão leva Roberta a percorrer o passado e a descobrir as raízes do seu mal-estar, que remontam à infância, passada no meio dos afectos envolventes da família paterna, onde a mãe, Malvina, brilhava pela ausência. Feminista convicta no período turbulento de 68, Malvina escolhera viver de acordo com os seus princípios e confia a filha ao companheiro. Desta situação vão nascer, ao longo do tempo, dramas, mal-entendidos, conflitos mal resolvidos e também segredos há muito guardados. E é apenas ao dissipar estas sombras que Roberta vai conseguir superar a crise e reconciliar-se consigo mesma.
Uma história de ligações profundas e paixões intensas em que Sveva Casati Modignani, através do confronto entre duas gerações de mulheres, nos conta como éramos antes e como somos agora."
 
A Minha Opinião:
Foi um deleite ler este livro :)
Em primeiro lugar é a história de grandes mulheres, depois uma dessas grandes mulheres tem un belíssimo nome: Roberta :p
Voltando ao livro, adorei.
Roberta decide um dia que não está bem com a sua vida. Apesar de tudo aparentar normalidade ela sente-se infeliz e por isso decide ir em busca de respostas junto de sua mãe Malvina. Como já é hábito nos livros da Sveva a história anda para a frente e para trás percorrendo as gerações da familia e assim ajudando Roberta a resolver os seus problemas.
Vários romances, os habituais problemas familiares, o saltitar no tempo e um final feliz :) transformaram este livro numa excelente companhia e numa leitura bastante agradável.
 

"O Verão das Nossas Vidas" de Luanne Rice

Sinopse: "Capri: uma ilha lendária, mergulhada em sabedoria e mistérios seculares…
Uma mulher que aprende finalmente a confiar na vida e no amor…
Mãe e filha, separadas durante anos, à procura de uma forma de enfrentarem juntas o futuro…
Há dez anos, Lyra Davis deixou para trás as pessoas que mais amava, incapaz de reconciliar as expectativas da família com as aspirações do seu próprio coração. Agora vive tranquilamente no meio de uma comunidade de expatriados em Capri, aprendendo devagar, com cuidado e pela primeira vez, a viver em pleno, desabrochando graças à amizade de um homem único que reconhece nela a sua alma gémea.
Em Newport, Rhode Island, Pell Davis está preparada para assumir o seu lugar entre a elite local. Porém, tanto ela como a irmã mais nova, Lucy, ainda suspiram pela mãe que as abandonou quando eram crianças, para serem criadas pelo pai que as adorava. Pell acha que conhece os motivos da sua mãe, que julgava poder amá-las melhor se partisse. Mas agora, com o pai morto, Pell decide atravessar o oceano para encontrar a mãe de quem se recorda e as verdades escondidas que Lyra nunca fora capaz de contar…
Sentimental e inesquecível, O Verão das Nossa Vidas revela como um romance improvável dá nova forma ao significado do amor e uma família resiste ao reavivar de  Lyramemórias para encontrar um novo caminho."

A minha Opinião: 
Esta foi uma refrescante leitura de Verão em tempo de férias ;)
A história de Pell, Lucy e envolve-nos logo nas primeiras páginas em especial quando o discurso é feito na primeiras pessoa pela própria Pell ao contar-nos os seus sentimentos em relação à mãe que a abandonou, ao pai que fez tudo por ela e à sua irmã mais nova de quem tem de cuidar como sendo sua mãe.
Mas como sempre muitos segredos surgem ao londo do enredo e nem tudo é tão linear como parece.
Depois temos Rafe que tenta a todo o custo sobreviver depois de uma altura bastante conturbada da sua vida. 
Num discuso sereno a que a autora já nos habituou encontramos revolta familiar, desilusões e desencontros, mas no final de tudo vem a compreensão a amizade e o Amor fazendo com que todos encontrem o seu caminho da melhor maneira possivel, tudo isto num cenário maravilhoso de uma bela ilha e na companhia de Estrelas do Mar e dos Cavalos Marinhos.
Não deixem de ler ;)

"Outlander - Nas Asas do Tempo", de Diana Gabaldon

Sinopse: "Claire leva uma vida dupla. Tem um marido num século e um amante noutro…
Em 1945, Claire Randall, ex-enfermeira do Exército, regressa da guerra e está com o marido numa segunda lua-de-mel quando inocentemente toca num rochedo de um antigo círculo de pedras. De súbito, é transportada para o ano de 1743, para o centro de uma escaramuça entre ingleses e escoceses. Confundida com uma prostituta pelo capitão inglês Black Jack Randall, um antepassado e sósia do seu marido, é a seguir sequestrada pelo poderoso clã MacKenzie. Estes julgam-na espia ou feiticeira, mas com a sua experiência em enfermagem, Claire passa por curandeira e ganha o respeito dos guerreiros. No entanto, como corre perigo de vida a solução é tornar-se membro do clã, casando com o guerreiro Jamie Fraser, que lhe demonstra uma paixão tão avassaladora e um amor tão absoluto que Claire se sente dividida entre a fidelidade e o desejo… e entre dois homens completamente diferentes em duas vidas irreconciliáveis. Vive-se um período excepcionalmente conturbado nas Terras Altas da Escócia, que culminará com a quase extinção dos clãs na batalha de Culloden, entre ingleses e escoceses. Catapultada para um mundo de intrigas e espiões que pode pôr em risco a sua vida, uma pergunta insistente martela os pensamentos de Claire: o que fazer quando se conhece o futuro? "


Um misto de ficção romântica e histórica, Outlander - Nas Asas do Tempo já foi publicado em 24 países.

A Minha Opinião:
Já há bastante tempo que aguardava a publicação de algo desta autora em Portugal, pois já havia lido excelentes criticas aos seus romances em alguns blogues. A espera foi recompensada :P
São 774 páginas que se lêem maravilhosamente bem e ao mesmo tempo assustadoramente depressa... e a história fica por concluir pois este é apenas o primeiro volume ;)
Clare "salta" 200 anos atrás no tempo no meio de um turbilhão de emoções e duvidas por aquilo que lhe aconteceu, vê-se envolvida nas lutas dos Clãs Escoceses e nas famosa disputa entre Ingleses e Escoceses.
Tudo vai bem até que Claire é obrigada a casar-se de novo... Presa ao casamento com Frank em 1945 Claire acaba por se entregar ao amor também em 1743.
Uma história cheia de boa disposição, sobretudo quando a protagonista se vê com um atraso de 200 anos em relação à sua profissão (médica), mas também com situações bastante chocantes em especial os confrontos com Black Jack Randall, um antepassado e sósia do seu marido de 1945.
Agora resta-me esperar ansiosamente a publicação do 2º Volume ;)

Vêem por aí grandes novidades com a Porto Editora ;)

Como está a vossa lista de desejos? E a pilha de livros por ler está controlada???
Pois preparem-se porque a partir de Setembro as novidades vão ser mais que muitas :P
Aqui vos deixo uma pequeníssima amostra do que vem por aí para desorientar completamente qualquer leitor controlado e arruinar completamente a tentativa de controle dos viciados nos livros (que é o meu caso!!!)
Vejam bem as grandes tentações que aí vêem! Quem pode resistir???

The Ice Cream Girls – Dorothy Koomson
Sinopse: Durante a adolescência, Poppy Carlisle e Serena Gorringe foram as únicas testemunhas de um trágico acontecimento. Entre aceso debate público, as duas aparentemente glamourosasadolescentes viram-se a braços com os tribunais e foram apelidadas  pela imprensa de “The Ice Cream Girls”.
Anos mais tarde, encontramos as protagonistas com percursos de vida muito diferentes, Poppy está decidida a trazer ao de cima a verdade sobre o que realmente sucedeu, enquanto Serena, esposa e mãe de dois filhos, não pretende que ninguém do seu presente desvende o seu passado. Mas é impossível enterrar alguns segredos – e se o seu for revelado, a vida de ambas voltará a transformar-se num inferno…
Emocionante e enternecedora, esta história dá que pensar. “The Ice Cream Girls” fará com que o leitor se interrogue se alguma vez poderemos conhecer verdadeiramente aqueles que amamos.

 
Lo splendore de la vitta – Sveva Casati Modignani 
Sinopse: Giulia de Blasco é uma escritora de sucesso que venceu uma difícil batalha contra o cancro e conquistou o amor do cirurgião Ermes Corsini. Apesar disso, Giulia não consegue encontrar a serenidade que tanto deseja. O seu filho Giorgio, de dezasseis anos, atravessa uma adolescência conturbada e acaba por influenciar negativamente a relação de Giulia e Ermes e levar Giulia a questionar as suas capacidades como mãe. É no meio destas dúvidas e incertezas que surge Franco Vassalli, um enigmático e fascinante empresário, habituado a conseguir tudo o que quer…
Para Giulia começa assim mais um período dramático e intenso da sua vida.
 
 
Heart of the matter – Emily Giffin
Sinopse: Tessa não consegue deixar de pensar em quão frágil é a vida. Como esposa de um reputado cirurgião plástico, ela tem assistido, demasiadas vezes, ao ar triste e sombrio com que Nick regressa a casa depois de uma urgência, percebendo assim que mais uma criança se magoou de forma irremediável e talvez para sempre. De todas as vezes, Tessa pensa nos seus dois filhos e dá graças a Deus por nada lhes acontecer. Até um dia. Valerie está sozinha há tempo demais, não cria expectativas e não toma nada por garantido. Um dia, um telefonema faz desabar o seu mundo. Por ser mãe solteira, Charlie é o centro da sua vida, o filho de seis anos que ela tenta proteger acima de tudo. Valerie arrepender-se-á para sempre de uma decisão aparentemente insignificante mas que conduziria a um terrível acidente. Quando as vidas de duas mulheres tão diferentes se cruzam, elas são forçadas a questionar o que mais amam e enfrentar um futuro que nenhuma delas poderia sequer imaginar.



El tiempo entre costuras – Maria Dueñas 
Sinopse: Una máquina de escribir reventó mi destino.
Assim começa a história de Sira Quiroga, uma jovem modista empurrada pelo destino para um arriscado desafio; sem aviso, os pespontos e alinhavos do seu ofício convertem-se na fachada para missões obscuras que a enleiam num mundo de glamour e paixões, riqueza e miséria, de conspirações históricas e políticas, de espiões.
Num cenário em que a II Guerra Mundial está prestes a rebentar, com a possível alienação dos espanhóis pelos alemães, meio mundo espia outro meio mundo. E também Sira se converterá nos olhos e ouvidos de outros. O seu atelier, onde acorrem todas as alemãs de prestígio, depressa se converterá num ponto nevrálgico do qual resultam importantes informações que podem mesmo chegar a por em risco a vida da jovem modista.
Um romance de ritmo imparável, pontuado de grandes paixões, encontros e desencontros, que nos transporta, em descrições fiéis, pelos cenários de uma Madrid pró-Alemanha, dos enclaves de Tânger e Tetuán e de uma Lisboa cosmopolita repleta de oportunistas e refugiados sem rumo.

 

 
Adeus, até amanhã – William Maxwell 
Sinopse: Numa quinta do Illinois, nos anos 1920, um homem é morto e, ao mesmo tempo, rompe-se a fraca amizade entre dois rapazes solitários. Nunca mais falarão. Uma reconstrução devastadora dos eventos e a expiação do remorso de uma vida inteira são revelados, ao longo de cinquenta anos, nas palavras não ditas do narrador.
A partir das suposições das crianças e das paixões destrutivas dos pais, Maxwell cria aqui um clássico luminoso sobre o amor e a perda.


Novidade Editorial Presença: "O Ano do Nevoeiro" de Michelle Richmond

Data de Publicação: 20 Julho 2010


«Recomendado para todos os fãs de autores como Jodi Picoult e Jacquelyn Mitchard
Library Journal

Sinopse:Uma mulher e uma criança passeiam na praia, numa fria manhã de Verão. O nevoeiro é tão denso que a visibilidade não ultrapassa alguns metros. A criança, irrequieta, solta-se por momentos da mão da mulher e não volta a ser vista. Fazem se repetidas buscas, mas decorrem dias, semanas, meses e não se encontra rasto da menina desaparecida. Uma história pungente, escrita da perspectiva de uma mulher que, por uma desatenção de segundos, se torna responsável pelo desaparecimento da filha do homem que ama.

A Autora: Michelle Richmond é uma escritora e ensaísta Americana. Nasceu em Demopolis, Alabama, nos Estados Unidos da América. Já anteriormente premiada, como autora de ficção, O Ano do Nevoeiro é o seu segundo romance e foi, em 2007, um bestseller dos mais importantes jornais americanos.

Mais informações em: http://michellerichmond.com/

Citações de Imprensa Estrangeira
«Maravilhoso… fascinante.» - San Francisco Chronicle

«Uma obra que explora com graciosidade a natureza da memória e da percepção… uma leitura compulsiva, de pendor filosófico, muito próxima do bestseller de Jacquelyn Mitchard Profundo como o Mar.» - Booklist

"Um Passo à Frente", de Colleen McCullough

Sinopse:
"Em Holloman, Connecticut, alguém anda a perseguir e a matar adolescentes inocentes.
Num prestigiado centro de investigação de ciências neurológicas, coloquialmente conhecido como “Hug”, são descobertas partes do cadáver de uma jovem num dos seus frigoríficos. Rapidamente, o tenente Carmine Delmonico, da polícia local, descobre que têm vindo a ocorrer em todo o Estado uma série de desaparecimentos, todos eles seguindo um padrão semelhante e todos eles com o mesmo final horripilante.
Com as hierarquias de poder do Hug em tumulto e todos os membros do pessoal a esconderem alguma coisa, Delmonico mergulha na vida e no passado de cada um deles. É o maior caso da sua carreira e ele está decidido a resolvê-lo. Mas como se encontra um monstro que não deixa pistas e que está sempre um passo mais à frente?"

A Minha Opinião:
Quem já leu algo desta maravilhosa escritora sabe de antemão que ela não descura qualquer pormenor, mesmo correndo o risco de por vezes transformar a leitura um pouco enfandonha...
Neste excelente policial seguimos todas as pistas para descobrimos o "fantasma" que a todo o instante surpreende o concentrado Tenente Delmonico e a sua equipa.
Um enredo estremamente bem elaborado, com personagens bastante peculiares, que a autora nos descreve com todos os pormenores. Consegui eleborar as mais variadas teorias para quem seria o "Fantasma" mas a todo o momento a historia mudava o seu rumo.
Quando tudo se "descobre", como leitora de algumas das obras da autora eu sabia que nem tudo ainda estava contado ;) e não me enganei!
Um livro fabuloso e uma autora que vou sempre manter nas minhas preferidas.

"Calafrio", de Sandra Brown

Sinopse: Cleary, uma pacata cidade da Carolina do Norte, foi abalada pelo desaparecimento de cinco mulheres em dois anos e meio. Não há corpos, pistas ou suspeitos, apenas uma misteriosa fita azul abandonada no local onde cada mulher foi vista pela última vez…
Lilly Martin regressa a Cleary para concluir a venda da sua cabana de montanha e pôr um ponto final ao casamento com Dutch Burton, o chefe da polícia local. Depois de fechar as portas ao seu passado, não imaginava voltar atrás tão cedo. Mas, ao deixar a casa, sob um temporal, Lilly perde o controlo do carro e atropela um homem que emergia inesperadamente do bosque. Trata-se de Ben Tierney, que ela conhecera no Verão passado. Os dois são então forçados a regressar à cabana para esperarem pelo fim da terrível tempestade de neve.
Incontactáveis, com poucos víveres e quase sem aquecimento, Lilly e Ben vão aproximar-se um do outro, ao mesmo tempo que cresce a atracção e o desejo entre ambos. Mas, à medida que o isolamento se prolonga e os dois se envolvem, Lilly receia que a maior ameaça não seja o temporal, mas sim o homem ao seu lado...
Quem será o misterioso Ben Tierney: o raptor ou o homem capaz de salvar Lilly da tragédia que a assombra?
Calafrio é um romance intenso, no qual confiar na pessoa errada pode marcar a diferença entre a vida e a morte.

A Minha Opinião:
Uma leitura bastante agradavel :)
Lilly e Ben presos na cabana devido à neve, o mistério das raparigas desaparecidas por desvendar toda a população embrenhada nos seus próprios problemas. No final tudo se clarifica, mas até ao grande desenlace muitos segredos se vão descobrir e mostrar que as aparências enganam ;)
Um belo livro para ler agora no Verão, bastante empolgante!

A Menina Mais Triste do Mundo, de Cathy Glass


Lançamento a 6 de Julho

A Minha Opinião:
Cathy Glass é sem duvida uma mulher extraordinária!
Quanto inicie a leitura deste pequeno livro, com uma capa que retrata extremamente bem a tristeza nos olhos de uma criança já estava à espera de um relato por vezes arrepiante por se tratar de uma criança, mas no desfolhar das páginas e quando pensava que já tudo tinha acontecido surgia mais qualquer coisa que me fazia fechar o livro e pensar "Como é possivel isto acontecer???", mas logo a seguir voltava à leitura com entusiasmo, contente por existirem no nosso monstruoso mundo pessoas maravilhosas e generosas como Cathy.
Neste livro ela conta-nos a sua experiancioa enquanto Mãe de Acolhimento de Donna, uma criança negra com graves problemas de maus tratos, não só fisícos, mas sobretudo psicológicos por parte da sua mãe e irmãos, especialmente ao nivel do racismo.
Quando Cathy recebeu Donna no seio da sua familia percebeu logo que não iria ser fácil o contacto com aquela criança, com uma tristeza tão grande. Tentando a todo o custo integrar Donna, Cathy consegue trespassar a grande barreira que Donna havia erguido com o seu silêncio e com ela levar os seus dois filhos, Paula e Adrian, criando assim um verdadeira familia para a pequena Donna.
Mas nem tudo será sempre fácil e muito, mas muitos problemas vão surgindo ao londo dos meses que Donna passa com esta maravilhosa familia, e todos eles criados pela familia biológica de Donna, especialmente a sua mãe.
Este é um livro que nos faz pensar nas riquezas que temos, nas futilidades que nós e os nossos possuem, enquanto muitas crianças não possuem nem sequer um pouco de carinho, um pequeno sorriso, um simples abraço que muitas vezes são toda a diferença para termos um dia feliz.

"... Quero que vocês todos gostem de mim. Por favor, não deixem de gostar de mim Cathy. Eu preciso que gostem de mim. ..." (pag. 216)

Cathy Grass transformou a vida de Donna e de outras crianças e com os seus livros.
"A Menina Mais triste do Mundo" é um livro que nos enche de tristeza mas que ao longo das suas páginas faz crescer a esperança com a generosidade de Cathy e dos seus filhos. No final tudo acabou "bem" dentro do possível, graças a eles :)
Não deixem de o ler pois é uma verdadeira lição de vida.
Eu vou tentar ler em breve o "Infância Perdida" ;)